A ilha exclusiva onde milionários e famosos são vizinhos

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 25 de fevereiro a 3 de março
As mais lidas

Gisele Bündchen e Ivanka Trump acabaram de comprar casas na Indian Creek Island, onde privacidade e segurança são as palavras-chave - além de luxo.

Situada na Baía de Biscayne, na cidade de Miami, Indian Creek, por vezes chamado de "bunker dos bilionários", é uma ilha privada com 120 hectares onde os preços das residências ultrapassam facilmente os 18 milhões de dólares (cerca de 15 milhões de euros). A sua alcunha deriva dos seus residentes ricos e famosos que por aqui passaram e continuam a passar.

Uma das mais recentes residentes é a filha do ex-presidente dos EUA, Ivanka Trump, e o seu marido, Jared Kushner. Ivanka pagou 31 milhões de dólares (cerca de 25 milhões de euros) por um terreno vazio. E quem vendeu a casa? Nada mais nada menos do que Julio Iglesias. O cantor espanhol chegou a comprar vários lotes para que os filhos pudessem construir as suas casas perto da sua, mas nunca chegou a acontecer. Em 2017 o cantor pediu 170 milhões de dólares por um grupo de quatro lotes vazios. Tal como o pai, Ivanka também vai estar próxima de russos, sendo que a mansão ao lado do seu terreno foi vendida a um oligarca da Rússia, por 50 milhões de dólares (cerca de 45 milhões de euros). Este pequeno palácio possui um cinema 3D e uma praia de areia rosa, importada das Bahamas. 

Gisele Bundchen também comprou recentemente uma casa na ilha, pois o seu marido, a estrela de futebol americano Tom Brady, foi contratado por uma equipa do estado da Flórida. A vivenda, comprada por cerca de 14 milhões de euros, vai ser no entanto destruída para dar lugar a uma mansão ecológica.

Bundchen não é a primeira supermodelo a mostrar interesse por este refúgio dos ricos. Adriana Lima, modelo brasileira, chegou a morar aqui, mas vendeu a casa depois do seu divórcio do basquetebolista Marko Jaric.

Realeza do Médio Oriente, treinadores desportivos, milionários europeus, grandes empresários e artistas famosos são outros residentes deste bunker de luxo. Entre os moradores da ilha estão o ex-CEO da marca de roupas Sears, Eddie Lampert e o empresário Carl Icahn, considerado um dos 100 homens mais ricos do mundo. Como a ilha possui apenas 34 lotes, nem todos os famosos conseguem ser vizinhos. Já moraram na ilha Cher, o cantor Ricky Martin e um dos casais mais famosos do mundo, Beyoncé e Jay-Z: os últimos venderam a casa por 9,3 milhões de euros em 2010.

As 36 mansões estão construídas ao longo do perímetro da ilha, dando a todas uma vista direta para o mar. Rodeadas por jardins luxuriantes, as casas têm piscina, spa, ginásio, cinema privados, e jacuzzi no terraço. O centro da ilha é ocupado por um vasto campo de golfe de 18 buracos e um clube exclusivo. 

Algo que celebridades e milionários apreciam é poderem fazer o seu dia-a-dia em paz. O alto nível de privacidade é um dos fatores mais atrativos para quem procura aqui viver. A ilha é patrulhada, por terra e por mar, por uma força policial própria, 24 horas por dia, sete dias por semana. A única entrada para Indian Creek é uma ponte, guardada por seguranças armados, pelas quais apenas é possível passar se tiver convite.
Artigos Relacionados