Siga o nosso canal no WhatsApp e não perca as grandes histórias da SÁBADO. Seguir

Novo erro do MP na Operação Influencer: encontro na sede do PS nunca aconteceu

Novo erro do MP na Operação Influencer: encontro na sede do PS nunca aconteceu
SÁBADO 17 de novembro de 2023
As mais lidas

Despacho de indiciação refere uma reunião na sede do Largo do Rato, mas foi confusão motivada pela escuta em que um dos intervenientes refere estar a passar pelo local.

O Ministério Público (MP) cometeu um terceiro erro no despacho de indiciação da Operação Influencer, que culminou na demissão de António Costa do cargo de primeiro-ministro. Segundo o jornal Expresso, os procuradores referem-se a uma reunião na sede do PS, no Largo do Rato, em Lisboa, que nunca aconteceu. 

Pedro Ferreira
O encontro, que teria juntado Vítor Escária (o chefe de gabinete de António Costa), Diogo Lacerda Machado (o "melhor amigo" de Costa e consultor do Start Campus) e Afonso Salema (CEO do Start Campus), não ocorreu na sede do PS: contudo, numa escuta analisada, um dos intervenientes relata que está a passar à frente do local, o que levou ao engano. 

Contudo, Escária encontrou-se com Lacerda Machado e com Afonso Salema quatro vezes no seu gabinete no Palácio de São Bento.

Esta reunião é o terceiro erro a ser encontrado no despacho depois do relativo a uma portaria em que se atribuía um favorecimento do Start Campus a João Galamba que afinal nada tinha que ver com o assunto, e do relativo a um erro na transcrição que identificou António Costa (primeiro-ministro) em vez de António Costa e Silva (ministro da Economia). 

O jornal adianta ainda que o parágrafo acerca da investigação no Supremo Tribunal a António Costa foi escrito por Lucília Gago. 
Artigos Relacionados
Talvez crónica

Somos feitos da curiosidade que temos

Uma pessoa que se rende à falta de curiosidade nunca vai saber o que está a perder. Deixa-se ficar deitada a apanhar pó por dentro, enquanto a vida lá fora avança em passos largos e fugidios. As respostas ficam cabisbaixas trancadas numa sala, a trocarem olhares entre elas, ansiosas por se virem mostrar como nunca antes as viram.

A Lagartixa e o jacaré

Debates

O papel dos comentários pós-debates ajuda a fixar uma impressão, mesmo quando a composição dos comentadores parece de antemão favorecer um lado ou outro. Parece e é. A maioria dos comentadores é hoje favorável à direita.

Cuidados Intensivos

Hooligans

Nos debates, ganha quem o hooligan quer que ganhe – e isso é válido para o hooligan anónimo, que grita para o televisor “Dá-lhe, Pedro Nuno!”, como para o hooligan em estúdio, que apesar de usar fato e gravata também está de tronco ao léu, agarrado à vedação do estádio, a chamar nomes ao árbitro.