Chega aprova 66 novos candidatos autárquicos

Chega aprova 66 novos candidatos autárquicos
Alexandre R. Malhado 27 de março de 2021
As mais lidas

Direção aprova mais 66 nomes para as autárquicas. Da direção, o veterinário católico Pedro Frazão, membro do Opus Dei, foi escolhido para Santarém, enquanto Rui Paulo Sousa vai para Castelo Branco.

Mais 66 nomes para encabeçar as listas autárquicas do Chega foram aprovados em catadupa na reunião de direção desta sexta-feira, confirmou a SÁBADO junto de fonte oficial da direção. Pedro Frazão e Rui Paulo Sousa, vogais da direção, estão entre os nomes aprovados.

Médico veterinário e católico fervoroso, supranumerário do Opus Dei, Pedro Frazão foi a escolha para Santarém. À SÁBADO, frisou que a sua candidatura terá uma tónica forte em Santarém como "agrourbe". O candidato, com origens paternas em Santarém, tem assessorado o gabinete parlamentar de André Ventura em questões de agricultura. 

No passado, trabalhou nas áreas da Sanidade Animal e entrou em de 2010 na Direcção-Geral de veterinária para a carreira de técnico superior, tendo sido integrado na Direção de Serviços
Veterinários da Região de Lisboa e Vale Do Tejo. É autor de vários artigos de opinião polémicos no Observador, onde criticou os abates animais religiosos muçulmanos e judaicos, por exemplo. Escrevia também num site ligado ao QAnon português e espanhol, que está a ser investigado pelas secretas e Polícia Judiciária, como a SÁBADO revelou numa investigação. 

Foi no II congresso do Chega onde Pedro Frazão deu nas vistas (o que lhe valeu um lugar na direção). Apresentou uma moção sobre agricultura intitulada "Soberania Alimentar de Portugal" que foi aprovada por unanimidade por todos os congressistas. 
A carregar o vídeo ...

Em Castelo Branco, o nome escolhido foi outro nome da direção: Rui Paulo Sousa, mandatário nacional da campanha de André Ventura e coordenador da Comissão de Ética do partido, órgão responsável por executar a diretiva 3/2020, mais conhecida como a 'lei da rolha' do Chega. 

Sócio na empresa Villabosque — Espargos Verdes do Ribatejo, Rui Paulo Sousa já foi cabeça de lista do Aliança por Santarém nas legislativas. Depois de ter sido candidato pelo Aliança no sítio onde trabalha, agora é candidato pelo Chega no sítio onde nasceu. "Eu nasci em Castelo Branco e a minha família é de uma pequena aldeia, Rodeios, que fica a cerca de 15 kms de Castelo Branco", considerou à SÁBADO.

"Penso que vamos conseguir ter um excelente resultado. O PS não vai apoiar o ex-presidente que perdeu o Mandato e o PSD aparentemente ainda não conseguiu arranjar nenhum candidato", comentou ainda. 

Além disso, apurou a SÁBADO junto de fontes da direção, foram ainda aprovados uma série de outros nomes. Para Setúbal, foi escolhido o presidente da distrital de Setúbal Luís Maurício; para Almada, o assessor parlamentar do Chega e presidente do Partido Pró-Vida Manuel Matias; para o Barreiro, Marta Trindade, da mesma concelhia do partido.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais