Operação Marquês: Ricardo Salgado começa a ser julgado a 7 de junho

Operação Marquês: Ricardo Salgado começa a ser julgado a 7 de junho
Leonor Riso 10 de maio
As mais lidas

Antigo banqueiro foi pronunciado por três crimes de abuso de confiança. Contudo, Relação pode decidir que seja julgado juntamente com os outros arguidos da Operação Marquês.


Ricardo Salgado irá começar a ser julgado pelos crimes por que foi pronunciado no âmbito da Operação Marquês a 7 de junho, avança a SIC Notícias. Há quatro sessões marcadas a 7, 8, 14 e 15 de junho. 

Cofina Media
O ex-banqueiro foi pronunciado por três crimes de abuso de confiança e o juiz Ivo Rosa decidiu que deveria ser julgado separadamente dos outros arguidos. Tal acontecerá a partir de 7 de junho.

Contudo, a defesa de Salgado não concorda com a separação de processos e quer que o julgamento só decorra depois de o Tribunal da Relação de Lisboa decidir sobre o recurso interposto pelo Ministério Público.

Caso a Relação decida que Salgado deve ser julgado com os outros arguidos, ocorre uma suspensão do julgamento agora marcado para junho. 

Segundo a decisão instrutória do juiz Ivo Rosa, só 17 dos 189 crimes descritos na acusação vão a julgamento. Entre os 28 arguidos, o juiz decidiu que seriam julgados o antigo primeiro-ministro José Sócrates (por três crimes de branqueamento de capitais e três de falsificação de documentos), Carlos Santos Silva (três crimes de branqueamento de capitais e três de falsificação de documentos), Armando Vara (um crime de branqueamento) e João Perna (detenção ilegal de arma), bem como Salgado. 
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais