Margarida Martins constituída arguida. Três crimes em causa

Margarida Martins constituída arguida. Três crimes em causa
Marco Alves 27 de outubro

Peculato, peculato de uso e participação económica em negócio. Polícia Judiciária esteve esta manhã a fazer buscas em 10 locais. Carlos Alexandre está à frente do inquérito, avança o Expresso.

O DIAP Regional de Lisboa constituiu Margarida Martins arguida por factos ocorridos durante a sua presidência da Junta de Freguesia de Arroios (2013-2021). Em investigação, segundo o comunicado daquele órgão do Ministério Público, estão "factos suscetíveis de integrarem a prática de crimes cometidos no exercício de funções públicas, nomeadamente peculato, peculato de uso e participação económica em negócio."

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais