Centros de vacinação abertos três domingos de dezembro para quem levou vacina da Janssen

Centros de vacinação abertos três domingos de dezembro para quem levou vacina da Janssen
Ana Bela Ferreira 24 de novembro
As mais lidas

DGS está a dar conferência de imprensa sobre a vacinação. Espera vacinar 2,5 milhões até janeiro com a dose de reforço que são a população mais vulnerável.

Direção Geral da Saúde (DGS) está a fazer ponto de situação da vacinação. Ontem, terça-feira, foram vacinadas mais de 50 mil pessoas na terceira dose, informou o secretário de Estado da Saúde, Lacerda Sales. Ao todo, foram vacinadas 90 mil pessoas - entre vacina da gripe sazonal e dose de reforço da covid--19.

Bruno Colaço/Correio da Manhã
O governante anunciou ainda que nos dias 5, 8, 12, 19 de dezembro - três domingos e um ferido (dia 8) - os centros de vacinação vão estar abertos para as pessoas com mais de 50 anos a quem foi dada a dose da Janssen receberem a dose de reforço contra a covid-19, que deve ser desta feita da Pfizer ou da Moderna. Podem ser abrangidas cerca de 250 mil pessoas com esta Casa Aberta.

A DGS pretende ainda ter 2,5 milhões vacinados até janeiro com a terceira dose, ou dose de reforço, contra a covid-19. Ou seja, a população mais vulnerável e com maior risco de poder ter doença grave.

Graça Freitas explicou ainda que para a vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos avançar está à espera da autorização da EMA (Agência Europeia do Medicamento) que deve acontecer amanhã, quinta-feira. "Com essa aprovação vão ficar dois documentos importantes disponíveis, os documentos dos ensaios clínicos e os dados da vacina aprovada", justificou a diretora-geral da Saúde.

"A EMA dá a hipótese aos países de decidirem de acordo com a sua epidemiologia e dados locais de decidirem se avançam ou não. Não é automático, cada país tem o seu próprio timing e analisa os seus dados para decidir o que é melhor para as suas crianças", reforçou Graça Freitas.

A diretora-geral da Saúde admitiu que, apesar da prioridade ser a população mais vulnerável, tal não significa que se for aprovada a vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos, esta não possa acontecer em paralelo com os prioritários.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais