O que dizem as escutas do processo Cartão Vermelho sobre Taremi, Zivkovic ou João Félix

Escutas ao ex-presidente do Benfica revelam pormenores sobre os negócios de alguns jogadores.

Escutas a Luís Filipe Vieira feitas pelo Ministério Público, no âmbito da investigação do processo 'Cartão Vermelho', revelam alguns pormenores sobre alguns jogadores encarnados, revela o Record

Segundo escutas, António da Silva Campos, presidente do Rio Ave, terá chegado a confirmar a Luís Filipe Vieira que Taremi apenas queria jogar no Benfica, apesar de ser pretendido pelos três grandes. O avançado iraniano acabou por rumar ao FC Porto, em 2020.

Durante uma conversa sobre os excedentários do plantel, Tiago Pinto terá abordado a situação de Zivkovic e disse mesmo a Miguel Moreira, diretor financeiro do Benfica, que não havia nenhuma proposta pelo sérvio e que o clube tinha quase de implorar para o conseguir vender.

Numa conversa com Carlos Félix Sequeira, pai de João Félix, Jorge Mendes refere que Luís Filipe Vieira terá dito que se Félix não saísse no verão de 2019, no ano seguinte também não poderia sair, pois as eleições seriam em outubro.

SÁBADO desta semana traz uma grande investigação sobre as escutas de Vieira que revelam como o presidente do Benfica pedia favores, usava o clube para negócios privados de milhões, ocultava património entre a família e negociava transferências de jogadores.

Leia mais no Record.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais