Kate Bush descreve como "chocante" sucesso repentino de Running Up That Hill

Lusa 23 de junho
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 30 de junho a 6 de julho
As mais lidas

A composição lançada em 1985 atingiu o primeiro lugar em vários países depois de surgir num episódio da série Stranger Things, da Netflix.

A cantora e compositora britânica Kate Bush descreveu como "chocante" o regresso da sua música Running Up That Hill ao topo das tabelas do Reino Unido, dizendo que a sua popularidade repentina foi "muito especial".

REUTERS/Monica Almeida
A composição lançada em 1985 atingiu o primeiro lugar na passada sexta-feira depois de ter ganhado destaque na série dramática de ficção científica Stranger Things, do serviço de streaming Netflix.

"É simplesmente extraordinário. (...) É uma série tão grande. Pensei que a faixa chamaria alguma atenção, mas nunca imaginei que seria algo assim", realçou Kate Bush, numa entrevista à BBC Radio 4.

"É tão emocionante. Mas é realmente chocante, não é? Quero dizer, o mundo inteiro enlouqueceu", observou.

A música Running Up That Hill alcançou originalmente a posição número trem em 1985, mas escalou novamente 37 anos depois, quando uma nova geração a descobriu através da produção da Netflix.

Kate Bush volta a liderar as tabelas do Reino Unido 44 anos depois de tê-lo feito com o seu primeiro 'single' Wuthering Heights.

Numa rara entrevista, a artista de 63 anos salientou ainda que era "maravilhoso" que a sua música tivesse "chegado a um público totalmente novo", muitos dos quais nunca tinha ouvido falar dela.

"O pensamento de todos estes jovens a ouvir a música pela primeira vez e a descobrir é (...) muito especial", acrescentou.

A Running Up That Hill também foi recentemente número um em países como Austrália, Bélgica e Suécia, e número quatro nos Estados Unidos, tendo aparecido pela primeira vez no 'top' cinco da revista Billboard.