Polícia Judiciária abriu concurso para oito especialistas em crimes informáticos

Polícia Judiciária abriu concurso para oito especialistas em crimes informáticos
Diogo Barreto 09 de fevereiro

Ataques informáticos no início do ano motivaram a abertura de várias investigações por parte da equipa responsável pelos crimes desta natureza.

Os primeiros dias do ano foram profícuos em ataques informáticos, em Portugal. O grupo Impresa foi alvo de um ataque que deixou os sites do jornal Expresso e da SIC em baixo. Agora foi a vez da Vodafone ser alvo de um ataque que já está a ser investigado pela Polícia Judiciária. A PJ quer reforçar a sua equipa que investiga crimes informáticos para responder a esta onda de novos ataques.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais