Incidência e transmissibilidade da covid-19 sobem. R já é maior que 1 em todo o país

Incidência e transmissibilidade da covid-19 sobem. R já é maior que 1 em todo o país
Diogo Camilo 07 de abril
As mais lidas

Pela primeira vez desde o pico da terceira vaga, quando Portugal era líder mundial de novos casos, o país regista uma subida da incidência durante dois dias consecutivos. O R(t) já é superior a 1, tanto a nível continental como a nível nacional.

O índice de transmissibilidade da covid-19 voltou a subir e já é superior a 1 em Portugal, depois de ter ultrapassado esta barreira ontem em território continental. Além da subida do R(t), pela primeira vez em mais de dois meses, a incidência da pandemia aumentou segundo o gráfico do desconfinamento, mas mantêm-se abaixo dos 120 casos por 100 mil habitantes a duas semanas, o limite definido pelo Governo.

Portugal Covid-19 - reabertura esplanadas
Portugal Covid-19 - reabertura esplanadas Lusa
Segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), o R a nível nacional é agora de 1.01, o seu valor mais alto desde 25 de janeiro, enquanto o índice de transmissibilidade a nível continental é de 1.02. Na segunda-feira, os mesmos valores eram de 0,98 e 1, respetivamente.



Enquanto o R sobe - e já tem vindo a subir desde meados de fevereiro -, a incidência tinha vindo a descer, mas agora a tendência é diferente. Pela primeira vez desde 30 de janeiro, quando Portugal atingiu o pico de novos casos da pandemia e era líder mundial em infetados por 100 mil habitantes, o país registou um aumento da incidência por dois dias consecutivos.

A incidência atual em Portugal Continental é de 62,5 casos por 100 mil habitantes nas últimas duas semanas (na segunda-feira era de 60,9). A nível nacional, o número é ligeiramente superior: 64,3 casos por 100 mil habitantes - na segunda-feira era de 62,8.


A 11 de março, na apresentação do plano de desconfinamento, o primeiro-ministro, António Costa, avisou que as medidas da reabertura serão revistas sempre que Portugal ultrapassar os "120 novos casos por dia por 100 mil habitantes a 14 dias" ou sempre que o Rt - o número médio de casos secundários que resultam de um caso infetado pelo vírus - ultrapasse 1.

Os dez concelhos do país com mais incidência de casos por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias são Machico (500), Moura (474), Rio Maior (334), Odemira (316), Portimão (308), Carregal do Sal (302), Ribeira de Pena (283), Ribeira Brava (225), Vila do Bispo (213) e Marinha Grande (203).

Existem, neste momento, 19 concelhos do continente com mais de 120 novos casos por 100 mil habitantes. Destes apenas oito se situam em regiões cujo R é superior a 1, posicionando-se na zona vermelha do gráfico de desconfinamento.


Em relação a internados, Portugal registou esta quarta-feira um novo mínimo de internamentos por covid-19 desde 18 de setembro (488), dos quais 116 estão em unidades de cuidados intensivos, um número superior ao de há dois dias, mas inferior aos que Portugal registou nos últimos seis meses.

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais