Iniciativa Liberal propõe taxa única de IRS de 15%

Lusa 08 de julho de 2019
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 21 a 27 de janeiro
As mais lidas

"O que o atual sistema tem feito é impossibilitar as empresas de subir o salário líquido dos trabalhadores", critica o partido.

O partido Iniciativa Liberal propôs hoje que a taxa de IRS passe a ser de 15% para todos os rendimentos acima dos 650 euros, uma medida que constará do seu programa eleitoral às eleições legislativas de 06 de outubro.

Em comunicado, este partido antecipa também que "o nível de isenção aumentaria 200 euros por cada filho ou 400 eiuros por filho para famílias monoparentais". "Com esta medida o partido Iniciativa Liberal pretende garantir que os melhores talentos ficam no país e facilitar aumentos salariais por parte das empresas", lê-se no texto.

Para o partido liderado por Carlos Guimarães Pinto, "com o argumento da progressividade, o que o atual sistema tem feito é impossibilitar as empresas de subir o salário líquido dos trabalhadores, impedindo assim a retenção dos melhores talentos no país e o crescimento da economia".

"Chegou a hora de mudar isso", afirmou o líder do partido Iniciativa Liberal, citado no comunicado, lembrando que esta proposta, "apesar de disruptiva em Portugal, já foi aplicada noutras economias da Europa, nomeadamente na Estónia, que têm crescido a níveis mais elevados que a economia portuguesa nos últimos 20 anos".

E, segundo dados da Pordata, "a economia da Estónia cresceu a mais do dobro do ritmo da portuguesa desde a introdução da taxa única sobre os rendimentos" e "em 2017 ultrapassou Portugal.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana.
Boas leituras!
Artigos Relacionados
Opinião Ver mais