Coronavírus: Conheça todas as medidas para o Estado de Emergência

Diogo Camilo , Diogo Barreto 19 de março de 2020

Pode ir correr, andar de bicicleta e passear os cães. Poderá continuar a ir ao médico, supermercado e farmácia. Mas se tiver mais de 65 anos, os seus movimentos estão limitados.

O Conselho de Ministros definiu esta quinta-feira as medidas que vão vigorar em estado de emergência, decretado esta quarta-feira pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. O documento com vários pontos determina o isolamento obrigatório a todos os portugueses sobre vigilância das autoridades de saúde, sob pena de crime de desobediência.

No que diz respeito à circulação de cidadãos na via pública, o Conselho de Ministro determina que esta só pode acontecer em casos de aquisição de bens e serviços, por motivos profissionais que não possam ser realizados a partir de casa em regime de teletrabalho, por motivos de saúde, por razões familiares, urgência como deslocações medico-veterinárias ou no auxílio a vítimas de violência.

Sobre o regime de teletrabalho, o Governo indica também que as empresas, públicas ou privadas, devem assegurar e promover os meios para o regime, com estabelecimentos de atividades recreativas a encerrarem. Estes incluem cafés, restaurantes, bares, cinemas, teatros, praças, salas de concertos, piscinas, pavilhões, estádios, ginásios, casinos e esplanadas.

Centros de Saúde sem kits para fazer testes ao coronavírus

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais