BE pressiona Governo a acabar com exploração de petróleo e gás na Batalha e Pombal

BE pressiona Governo a acabar com exploração de petróleo e gás na Batalha e Pombal
Leonor Riso 27 de novembro de 2018

Portugal tem que proteger recursos naturais de contratos “irrisórios”, defende bloquista Pedro Soares. Consulta pública termina esta terça-feira.


O Bloco de Esquerda vai pressionar o Governo a suspender imediatamente os processos de concessão, exploração e extracção de petróleo e gás na região centro. Os bloquistas avançaram com um projecto de resolução no Parlamento, recordando que nas áreas de Batalha e Pombal há "contratos activos e trabalhos a decorrer" para que a empresa Australis Oil & Gas possa explorar possíveis recursos fósseis "numa faixa litoral que se estende das Caldas da Rainha a Soure".

Questionado sobre apoios parlamentares, Pedro Soares, deputado do Bloco de Esquerda e presidente da Comissão de Ambiente, frisa que o apoio local é forte. "Nenhum dos presidentes de câmara é do BE. O autarca da Batalha [Paulo dos Santos], é do PSD e está solidário com esta posição. Julgo que haverá condições para termos uma maioria parlamentar", defendeu, recordando as votações relativas à central nuclear de Almaraz, ou à mina de urânio em Retortillo, ambas em Espanha.

Além disso, os valores que o Estado poderá arrecadar com os contratos são "irrisórios". "Trata-se em todas as dimensões de um mau negócio para o país", salienta o BE.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais