Três anos depois, Moody’s sobe rating de Portugal

Jornal de Negócios 17 de setembro
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 28 de outubro a 3 de novembro
As mais lidas

A agência de notação financeira elevou a classificação da dívida soberana de Portugal, que fica agora igual à que é atribuída pela Fitch e pela S&P.

A Moody’s reviu em alta o rating da República Portuguesa, colocando-o no penúltimo grau da categoria de investimento de qualidade (ou seja, dois níveis acima de "lixo").

Portugal bandeira
Portugal bandeira
Foi em outubro de 2018 que a agência retirou Portugal da categoria de investimento especulativo e o há muito esperado 'upgrade' aconteceu hoje, com a classificação da dívida soberana de longo prazo a ficar no mesmo patamar que a da Fitch e Standard & Poor's.

Já o "outlook" (perspetiva para a evolução da qualidade do crédito) foi revisto em baixa, de 'positivo' para 'estável', equiparando-se agora à perspetiva das restantes agências cujos "ratings" são aceites pelo BCE para avaliar a elegibilidade de uma dívida soberana para o seu programa de compra de ativos (Fitch, S&P e DBRS).

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais