Combustíveis ficam mais caros apesar de novo alívio fiscal no ISP

Jornal de Negócios 06 de maio
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 30 de junho a 6 de julho
As mais lidas

O Governo reforçou a descida no ISP que irá vigorar na próxima semana mas, ainda assim, os consumidores deverão pagar mais nos postos de combustível a partir de segunda-feira.

O Governo informou que determinou uma redução adicional do ISP de 1,2 cêntimos por litro de gasóleo e de 2 cêntimos por litro de gasolina, o que, diz, eleva o alívio global da carga fiscal nos combustíveis para 21,5 cêntimos no litro de diesel e de 22,5 cêntimos na gasolina.

combustíveis, gasolina, gasóleo, bomba
combustíveis, gasolina, gasóleo, bomba
Apesar desta medida, o Executivo estima que os preços dos combustíveis nas bombas fiquem mais caros a partir de segunda-feira, o que decorrerá da subida nos preços nos mercados internacionais.

Assim, o litro de gasolina deverá ficar cerca de cinco cêntimos mais caro na próxima semana, enquanto no gasóleo a subida será de aproximadamente um cêntimo por litro.

Os cálculos do Governo são feitos com a chamada "variação assumida com o efeito ISP".
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais