O Governo já nomeou 1.717 pessoas: quase duas nomeações por dia

O Governo já nomeou 1.717 pessoas: quase duas nomeações por dia
Sara Capelo 17 de junho de 2018

É mais do que a média de José Sócrates e Passos Coelho. Secretários de Estado assinaram 62% dos despachos.

António Costa completou 900 dias como primeiro-ministro na segunda-feira, 14 de Maio. Nesse dia, a Secretaria de Estado do Turismo nomeou em Diário da República uma técnica especialista para o gabinete. Foi a 1.717ª nomeação para um gabinete do executivo socialista - uma média de 1,91 por dia.

O primeiro-ministro é o que mais nomeou. Foram 80 pessoas, apesar de apenas 59 estarem em funções, de acordo com o site oficial do governo. À primeira vista, os Ministérios da Cultura e da Administração Interna estão no top três. Contudo, há uma razão que pode inflacionar os números: os actuais titulares de ambas as pastas não são os que tomaram posse a 26 de Novembro de 2015. Luís Filipe Castro Mendes substituiu João Soares em Abril de 2016. E Eduardo Cabrita trocou o lugar de ministro adjunto pela Administração Interna com a saída de Constança Urbano de Sousa em Outubro do ano passado. O mesmo acontece com as secretarias de Estado remodeladas entretanto: desde as que mudaram com a saída destes ministros, à Juventude e Desporto, em Abril de 2016, e as oito pastas (Assuntos Europeus, Internacionalização, Presidência do Conselho de Ministros, Assuntos Fiscais, Administração e Emprego Público, Indústria, Desenvolvimento e Florestas, Habitação) que Costa aproveitou para remodelar em Julho de 2017 depois da exoneração dos secretários de Estado (SE) envolvidos no Galpgate (Fernando Rocha Andrade, João Vasconcelos e Jorge Costa Oliveira).

Apesar de a comparação ser feita com períodos temporais diferentes, quando se trata da média diária este governo nomeou mais do que os anteriores. Em Junho de 2013, quando Pedro Passos Coelho governava em coligação com o CDS há 710 dias, as nomeações para os 14 gabinetes ministeriais (em que incluía as secretarias de Estado) ascendiam a 1.027, segundo o Diário de Notícias. A média era de 1,45 nomeações por dia. E, escrevia o jornal, entre 2005 e 2007, os 20 gabinetes de José Sócrates nomearam 1.077 pessoas em 730 dias - uma média de 1,48 por dia.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais