Luísa Salgueiro: dos contratos com o primo ao emprego para a cunhada

Luísa Salgueiro: dos contratos com o primo ao emprego para a cunhada
Maria Henrique Espada 24 de janeiro de 2020

Em Matosinhos, há ainda uma filha de um vereador numa empresa municipal; um ex-vereador que falhou a reeleição, casado com a chefe de gabinete da presidente, e que passou a administrador noutra empresa municipal; e contratos com a viúva do anterior presidente.

A 25 de fevereiro de 2019, Luísa Salgueiro assinou, na qualidade de presidente da ADEIMA (Associação para o Desenvolvimento de Matosinhos), um contrato com a empresa Itgest, Software e Sistemas informáticos, no valor de 41.466 euros. Pela Itgest, quem assinou o mesmo contrato foi Jorge Augusto Pinto Salgueiro, sócio-gerente. Luísa e Jorge partilham o apelido porque são primos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais