Caixa Geral de Depósitos denuncia motorista de Rendeiro suspeito de lavar dinheiro

Caixa Geral de Depósitos denuncia motorista de Rendeiro suspeito de lavar dinheiro
SÁBADO 20 de novembro
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 8 a 14 de dezembro
As mais lidas

Filho do "Rei dos Táxis" comprou imóvel em condomínio de luxo em Cascais por 1,15 milhões de euros e cedeu-o para usufruto da mulher do banqueiro.

A CGD denunciou o motorista de João Rendeiro à Unidade de Informação Financeira (UIF) da Polícia Judiciária (PJ), por suspeita de branqueamento de capitais. A suspeita está relacionada com o imóvel que Florêncio Almeida comprou à própria Caixa, em setembro de 2018, por 1,15 milhões de euros. Três meses depois, em dezembro desse ano, o motorista cedeu à mulher de Rendeiro, a título de usufruto, a utilização do apartamento, por 15 anos, por 200.976 euros.

Mário Cruz/Lusa
Leia mais no Correio da Manhã.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Investigação
Opinião Ver mais