Heather Morris: “Lale inspirou-me a contar as histórias do Holocausto"

A escritora está em Portugal para comemorar os 100.000 exemplares vendidos de "O Tatuador de Auschwitz". A autora contou à SÁBADO as suas origens, revelou os bastidores da obra e deixou em aberto o lançamento de um novo livro.

O Tatuador de Auschwitz foi o maior sucesso de Heather Morris. Em 2003, quando pensou que ia apenas falar com um senhor que perdera recentemente a sua mulher e que tinha uma história que merecia ser partilhada, acabou por mudar a sua vida: nasceu nesse momento o tema do seu primeiro livro um bestseller mundial.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais