Rui Rio resiste a moção e recebe confiança do PSD

Rui Rio resiste a moção e recebe confiança do PSD
Diogo Camilo 18 de janeiro de 2019

Depois de dez horas e meia de reunião, o Conselho Nacional do PSD decidiu manter Rui Rio na presidência dos sociais-democratas. Votação terminou com 75 votos (secretos) a favor e 50 contra.

Rui Rio venceu a moção de confiança no PSD e permanece na presidência do partido. Depois de 10 horas de intervenções e declarações, os 126 membros do Conselho Nacional dos sociais-democratas  que votaram decidiram, por voto secreto, manter Rui Rio como líder do PSD.

No total, foram 75 os conselheiros que deram confiança a Rio para comandar o partido nas eleições que se avizinham no ano de 2019 - Europeias, em maio, e Legislativas, em outubro -, com 50 conselheiros a votarem contra a moção de confiança, que obrigava à demissão do presidente e a eleições diretas no PSD caso fosse rejeitada. Um conselheiro votou de forma nula.

"Quem me desafia ainda está à espera de ganhar uma eleição pela primeira vez"

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais