Polícia Judiciária realiza buscas ao INEM em Lisboa, Porto e Faro

Lusa 27 de setembro
As mais lidas

Em causa estão irregularidades detetadas nas deslocações das ambulâncias e dos técnicos.

A Polícia Judiciária está a realizar buscas em diversas instalações do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), no âmbito de uma investigação relacionada com irregularidades na gestão de pessoal, confirmou à Lusa fonte policial.

DR
Segundo a mesma fonte, a investigação da PJ está a cargo da Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) e abrange igualmente irregularidades relacionadas com a gestão de viaturas do INEM.

Lisboa, Porto e Coimbra são alguns dos locais do INEM que estão a ser alvo de busca.

Segundo informação divulgada pelo Correio da Manhã, as investigações "estão a ser direcionadas para as deslocações das ambulâncias, os trabalhos executados pelos funcionários, os horários e as presenças".

Fonte da PJ disse à Lusa que a Judiciária está a desenvolver "diligências para a recolha de documentação em várias instalações do INEM".

INEM confirma buscas e diz que nenhum profissional foi constituído arguido
O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) confirmou hoje a realização de buscas em diversas instalações, no âmbito de uma investigação relacionada com irregularidades na gestão de pessoal, adiantando que não foram constituídos quaisquer arguidos.

"Estão a decorrer diligências por parte do Departamento Central de Investigação e Ação Penal de Lisboa nas instalações do INEM a nível nacional, no âmbito de denúncias anónimas relacionadas com matérias de recursos humanos e contratação pública", refere em comunicado.

Até ao momento, "nenhum profissional do INEM foi constituído arguido", acrescenta, afirmando que o INEM está a colaborar com as autoridades.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Investigação
Opinião Ver mais