Pedro Rodrigues acusa Rio de ajudar Costa na “farsa orçamental”

Pedro Rodrigues acusa Rio de ajudar Costa na “farsa orçamental”
Margarida Davim 14 de outubro

Críticos não gostaram de ver Rui Rio a falar no adiamento das diretas. Pedro Rodrigues atira ao líder e defende que crise política não impede disputa interna.

Rui Rio vai hoje ao Conselho Nacional com uma proposta de data para as diretas que já não defende. O espectro de uma crise política faz o líder do PSD apelar ao adiamento da disputa interna. Mas na ala crítica do partido não se entende a forma como Rio está a gerir o processo.

"Uma vez mais o Dr. Rui Rio ontem voltou a comportar-se como uma muleta de Antonio Costa e do PS contribuindo para o processo de dramatização do Governo no processo negocial com o PCP", diz à SÁBADO o deputado Pedro Rodrigues.

Com os motores a aquecer para o Conselho Nacional do PSD desta quinta-feira, uma das vozes mais críticas de Rio defende que, ao contrário do que disse Rio, uma crise política não impede a realização de eleições internas no partido.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais