Pyongyang em confinamento devido a "doença respiratória"

Pyongyang em confinamento devido a 'doença respiratória'
Diogo Barreto 25 de janeiro
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 2 a 8 de fevereiro
As mais lidas

O governo da Coreia do Norte ordenou aos habitantes da capital que não deixassem as suas casas durante cinco dias para conter o avanço de uma "doença respiratória".

A Coreia do Norte ordenou um confinamento de cinco dias na capital devido ao aumento de casos de uma doença respiratória não especificada pelas autoridades locais. Todos os habitantes de Pyongyang têm ordens para permanecer em casa até domingo.

Feng Li/Getty Images
De acordo com o site noticioso sul-coreano NK News, o governo central ordenou aos habitantes de Pyongyang que ficassem em casa durante cinco dias para conterem o avanço desta doença respiratória, medindo várias vezes ao dia a temperatura corporal. No documento citado pelo NK News, é referido que circulam na capital vários tipos de gripe, numa altura em que a península coreana é afetada por uma onda de frio vinda da Rússia e que levou a que as temperaturas baixassem para os -22º.

Através do comunicado citado não é possível saber se outras cidades norte-coreanas estão também confinadas. 

A semana passada, na cidade fronteiriça de Kaesong, tinha sido lançada uma campanha de comunicação "para que os cidadãos cumprissem voluntariamente com as regulações pandémicas na sua vida pessoal e no trabalho".

A Coreia do Norte passou mais de dois anos a negar a existência de infeções por covid-19 no seu território. Só em maio de 2022 Pyongyang reconheceu a existência de um surto, que pouco tempo depois, em agosto, declarou como dominado, sem referir quantos casos ou mortes foram registados. Mas registaram-se um total de 4,7 milhões de pessoas com febre, o que equivale a quase 20% da população total do país.

A Coreia do Norte fechou rigorosamente as suas fronteiras desde o início da pandemia, mas continua a permitir determinadas trocas comerciais com a China, o seu principal parceiro comercial.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Investigação
Opinião Ver mais