Berlim estima recessão de 6,3% em 2020 devido ao impacto da pandemia

Lusa 29 de abril de 2020
As mais lidas

Esta estimativa indica a maior contração da economia alemã registada desde a crise de 2009, quando o PIB alemão recuou 5,6%.

A economia alemã deverá contrair-se 6,3% em 2020 devido ao impacto da pandemia da covid-19, segundo as previsões da primavera do Governo alemão.

Esta estimativa indica a maior contração da economia alemã registada desde a crise de 2009, quando o Produto Interno Bruto (PIB) alemão recuou 5,6%, e fica acima da antecipada pelos principais institutos económicos alemães, que apontaram recentemente para uma queda de 4,2% este ano.

Em 2019, a Alemanha evitou a recessão, tendo o PIB crescido 0,6%, depois de ter avançado 1,5% em 2018 e 2,5% em 2017.

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais