Germano Almeida

"A vitória de Biden foi uma espécie de última oportunidade dos americanos à moderação"

'A vitória de Biden foi uma espécie de última oportunidade dos americanos à moderação'
Ana Bela Ferreira 06 de maio

O analista de política norte-americana Germano Almeida sublinha a capacidade de executar que Joe Biden tem mostrados nos primeiros 100 dias na Casa Branca. No novo livro sobre o início da presidência Biden recorda também os últimos dias de Trump e o marco histórico da invasão do Capitólio.

Analista da política norte-americana, Germano Almeida lança esta semana o seu quinto livro sobre o tema: Joe Biden - o Homem e as suas Circunstâncias, o Regresso da América na Era da Polarização Extrema. Uma análise aos primeiros dias desta presidência e dos últimos dias de Donald Trump no poder. Germano Almeida sublinha as diferenças de Biden e Trump e de Biden com Obama. O estilo confiável e normal acabou por ser um trunfo em 2020, depois de duas eleições em que os americanos votaram no carisma dos candidatos.


Quem é Joe Biden?
É um tipo normal, um americano decente e, acima de tudo, um político muito experiente, com quase meio século na alta política americana (36 anos como senador, oito como vice-presidente e agora meio ano como Presidente), que herdou a Presidência dos EUA no momento mais difícil deste Roosevelt na Grande Depressão dos anos 30 do século passado.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais