Esta fotografia pode custar-lhe a casa

Esta fotografia pode custar-lhe a casa
Sónia Bento 03 de maio

Tudo o que publica nas redes sociais deixa rasto e isso está a ser usado para decidir se pode comprar ou arrendar um imóvel. Objetivo: evitar o incumprimento.


Está a pensar publicar no Instagram ou no Facebook fotografias de férias nas Maldivas ou imagens daquele aniversário celebrado num restaurante com estrela Michelin? Ambas - e, claro, muitas outras - podem servir para algumas empresas rastrearem se está a viver acima das possibilidades. Em Espanha já é assim. O setor imobiliário está a usar este sistema para evitar os incumprimentos nos arrendamentos e compra de casas.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais