Elementos dos Diabos Vermelhos atacam adeptos sportinguistas

Record 03 de maio
As mais lidas

"O Sporting continuará sempre a defender que a cultura de medo, de conflito e de violência deve ser banida do futebol português", afirma o clube.

Membros da claque Torcida Verde, afecta ao Sporting, foram agredidos, esta segunda-feira, por elementos alegadamente ligados à claque Diabos Vermelhos do Benfica.

O ataque foi levado a cabo por 12 adeptos que se fizeram transportar em duas viaturas ligeiras e uma moto. Do incidente resultaram feridos que tiveram de receber assistência médica, de acordo com o Record.

A PSP já tomou conta da ocorrência. "Não vamos alimentar o discurso do ódio", disse o líder da Torcida Verde, Luís Carlos, ao desportivo. "Vamos accionar os mecanismos que estão ao nosso dispor, junto do Sporting e do Ministério Público", acrescentou.

O Sporting reagiu em comunicado ao ataque feito por elementos dos Diabos Vermelhos à Torcida Verde. Na sua nota, os leões repudiam de forma veemente o que consideram ser "actos de violência gratuita" e referem que "situações desta natureza não dignificam o desporto nacional nem são representativas do futebol em particular". "O Sporting continuará sempre a defender que a cultura de medo, de conflito e de violência deve ser banida do futebol português", acrescenta a mesma nota.

Por outro lado, a direção leonina apela a que "as entidades competentes" e o "mundo do Desporto se unam para que estes acontecimentos não se repitam", deixando ainda uma mensagem de apoio aos afetados pela situação.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais