Quais são os planos para o funeral de Filipe?
10 de abrilAna Bela Ferreira

Quais são os planos para o funeral de Filipe?

Os planos para o funeral do rei consorte de Inglaterra já estavam prontos há muito. Terão agora de ser atualizados para a pandemia. Filipe morreu na sexta-feira, aos 99 anos.

Como será a vida pós-Covid?
06 de abrilLucília Galha

Como será a vida pós-Covid?

Na Austrália e na Nova Zelândia já se vive alguma da antiga normalidade, mas essa realidade vai demorar a chegar cá. E quando acontecer, haverá seguramente menos beijos e menos abraços.

Até nas casas de banho havia ações
15 de marçoAna Taborda

Até nas casas de banho havia ações

Nos anos 1980, a Bolsa não chegava para toda a gente e faziam-se negócios no parque de estacionamento do Terreiro do Paço, com os títulos na bagageira dos carros. Muito antes disso, já havia corretores na rua mais luxuosa de Lisboa, onde o vinho era proibido.

A guerra colonial não acabou

O debate sobre a guerra colonial não deve ser feito pela manipulação ideológica da esquerda ou da direita. Deve ser feito com mais rigor e menos subjetividade. Deve ser um debate de reconciliação entre portugueses, não de ódio e vingança

“Os hospitais ligam-me a pedir para ir buscar corpos. Precisam de espaço”
31 de janeiroAna Taborda

“Os hospitais ligam-me a pedir para ir buscar corpos. Precisam de espaço”

Quase duplicaram o espaço para cadáveres, aumentaram em 600% o consumo de álcool gel, fizeram perto de 200 testes aos funcionários. Os serviços também são mais difíceis. "As pessoas estão a morrer em casa e nos lares". O diretor-geral de uma funerária fala sobre a pandemia.

12
As mortes não têm parado. Eles também não
30 de janeiro

As mortes não têm parado. Eles também não

Há contentores extras nas morgues dos hospitais e em algumas agências funerárias. Nos crematórios, fazem-se funerais a cada duas horas. Imagens do Hospital de São João, no Porto, e da Servilusa

As mortes não têm parado. Eles também não
30 de janeiroAna Taborda

As mortes não têm parado. Eles também não

Há contentores extras nas morgues dos hospitais e em algumas agências funerárias. Nos crematórios, fazem-se funerais a cada duas horas. Imagens do Hospital de São João, no Porto, e da Servilusa

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)