Ex-secretário de Estado de Costa não vai desperdiçar "oportunidade" de ouvir Le Pen

Ex-secretário de Estado de Costa: Ouvir Le Pen será 'um momento único'
Margarida Davim 14 de agosto de 2018

A polémica sobre a vinda (ainda não confirmada) de Marine Le Pen à Web Summit em Lisboa continua a dar polémica. Apesar das críticas de socialistas como João Galamba e Tiago Barbosa Ribeiro, João Vasconcelos defende que ouvir Le Pen será "um momento único".

Vasconcelos
João Vasconcelos foi a cara do Governo na Web Summit até se demitir há um ano, depois de ter sido constituído arguido no caso das viagens pagas pela Galp ao Euro 2016. Afastado da política, Vasconcelos não quis, porém, fugir à polémica que tem envolvido a Web Summit desde que se soube no fim-de-semana que Marine Le Pen será oradora na convenção tecnológica que se realiza em Lisboa. Mas, ao contrário de outros socialistas, o ex-governante acredita que nem o Governo nem a Câmara de Lisboa devem tentar impedir a vinda da líder da extrema-direita francesa.

João Vasconcelos acha mesmo que ouvir Le Pen será uma "oportunidade" e um "momento único" e garante que não vai perder a intervenção da dirigente da Reunificação Nacional (o novo nome da Frente Nacional).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais