Isabel dos Santos foge a "exame" do regulador

Jornal de Negócios 23 de janeiro de 2020

Há manifestações de interesse “robustas” pela posição de 42,5% da empresária no EuroBic. Uma venda que acontecerá antes de o Banco de Portugal decidir se a idoneidade de Isabel dos Santos, no centro do Luanda Leaks, teria de reavaliada.

Isabel dos Santos está de saída do EuroBic. E há manifestações de interesse "robustas" em cima da mesa, conforme apurou o Negócios. Esta decisão é tomada mesmo antes de se saber qual o resultado de uma auditoria a uma transferência de uma conta da Sonangol no banco e de o Banco de Portugal (BdP) concluir se havia necessidade de reavaliar a idoneidade da empresária angolana envolvida no caso Luanda Leaks. E, no limite, "bloquear" qualquer poder de decisão por parte daquela que é a maior acionista da instituição financeira.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais