Tribunal Europeu autoriza retirada de suporte de vida a bebé

Lusa 27 de junho de 2017
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 25 de fevereiro a 3 de março
As mais lidas

Bebé de 10 meses sofre de uma doença genética rara e prognóstico vital era fatal

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos autorizou a retirada do suporte de vida a um bebé britânico de 10 meses que sofre de uma doença genética rara e cujo prognóstico vital era fatal.

Ulrich Baumgarten via Getty Images
O CEDH concordou com a decisão anteriormente tomada pelos tribunais britânicos e ordenou a suspensão de medidas provisórias de suporte de vida.

Connie Yates e Chris Gard, os pais de Charlie Gard, um bebé de 10 meses que sofre de uma doença genética rara, interpuseram em fevereiro uma ação no CEDH, após o Supremo Tribunal britânico ter permitido desligar a ventilação artificial ao filho.

O Hospital Great Ormond Street, onde o bebé foi tratado, em Londres, queria permissão para desligar a ventilação artificial e fornecer-lhe cuidados paliativos.

Contudo, os pais pediram ao Tribunal para suspender a decisão na esperança de irem tratar o filho nos Estados Unidos.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Opinião Ver mais