O plano B para enfrentar uma ausência de vacina contra a covid-19

O plano B para enfrentar uma ausência de vacina contra a covid-19
Mariana Branco 04 de maio de 2020

A maioria dos especialistas continua confiante que uma eventual vacina será desenvolvida mas aprender a viver com a doença poderá ser uma necessidade.

A maioria dos especialistas continua confiante que uma eventual vacina contra a covid-19 será desenvolvida. Um dos principais motivos é que, ao contrário de doenças como a malária e o VIH, o novo coronavírus não tem uma mutação rápida. Mas o que poderá acontecer caso não seja encontrada?

Em vez de eliminar a covid-19, as sociedades terão que aprender a viver com ela. "Há alguns vírus para os quais ainda não temos uma vacina", explicou à CNN o médico David Nabarro, professor no Imperial College de Londres. "Não podemos ter a certeza que a vacina vai aparecer, ou se – caso apareça – vai passar todos os requisitos de eficácia e segurança", disse o também enviado especial da Organização Mundial da Saúde para a covid-19.

Nabarro considera "absolutamente essencial" que as sociedades se coloquem numa posição em que consigam defender-se contra o novo coronavírus como uma ameaça constante, sendo capazes "de retomar a atividade económica e a vida social com o vírus pelo meio".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais