O diabo não veio mas Passos Coelho voltou com o retrovisor, diz Costa

O diabo não veio mas Passos Coelho voltou com o retrovisor, diz Costa
Diogo Barreto 22 de maio de 2019

"Ao contrário do que eles desejaram, o diabo não veio. Contudo, Passos Coelho voltou - e esse regresso diz tudo, diz bem o que lhes vai na alma e como eles veem o futuro", disse Costa.

O secretário-geral do PS, António Costa, considerou esta quarta-feira que o regresso do ex-presidente do PSD Pedro Passos Coelho à cena política demonstrou que continua a encarar o futuro pelo espelho retrovisor dos tempos da austeridade.

Estas críticas foram feitas por António Costa no final do jantar comício em Setúbal, numa fase do seu discurso em que se referiu ao facto de Pedro Passos Coelho, num almoço do PSD em Cascais, na segunda-feira, ter caracterizado o atual Governo como "ilusionista".

"Ao contrário do que eles imaginaram, ou, melhor, ao contrário do que eles desejaram, o diabo não veio. Contudo, Passos Coelho voltou - e esse regresso diz tudo, diz bem o que lhes vai na alma e como eles veem o futuro de Portugal", reagiu o líder socialista.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais