Entrevista

Catarina Sarmento e Castro: “O sacrifício dos antigos combatentes não tem preço”

Luís Francisco 30 de julho de 2021

Catarina Sarmento e Castro, secretária de Estado dos Recursos Humanos e Ex-Combatentes, faz um ponto de situação sobre o Estatuto do Antigo Combatente.

O Estatuto do Antigo Combatente, reconhecido pela Lei 46/2020, foi aprovado pelo Parlamento em Junho do ano passado e entrou em vigor em Setembro. Cerca de um ano depois, que balanço faz o Governo da sua aplicação? Em entrevista à SÁBADO, Catarina Sarmento e Castro, secretária de Estado dos Recursos Humanos e Ex-Combatentes, responde à impaciência dos que ainda aguardam a concretização de algumas medidas previstas com a convicção de que "não era possível andarmos mais depressa" e deixa a promessa de que "isto é só início". Porque o sacrifício dos antigos combatentes "não tem preço".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui