Presidente da APAF denuncia mais dois casos de agressões a árbitros

Lusa 11 de fevereiro de 2019
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 13 a 19 de maio
As mais lidas

Luciano Gonçalves condenou a "impunidade e lentidão incompreensível por parte dos órgãos punitivos competentes em casos recentes".

O presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), Luciano Gonçalves, denunciou, esta segunda-feira, mais dois casos de agressões a árbitros em jogos dos campeonatos distritais, nas associações de Setúbal e Leiria.

Árbitros
Futebol, Liga portugesa, Árbitros, Boicote
Árbitro, Apito
Árbitros
Futebol, Liga portugesa, Árbitros, Boicote
Árbitro, Apito
Em nota publicada no Facebook, Luciano Gonçalves revelou que no jogo Palmelense-Cova da Piedade o árbitro foi agredido no final pelo treinador adjunto dos anfitriões, enquanto no encontro de juniores Caldas-Figueiró dos Vinhos um jogador da equipa visitante agrediu o juiz no fim da primeira parte.



O presidente da APAF condenou a "impunidade e lentidão incompreensível por parte dos órgãos punitivos competentes em casos recentes", aguardando por "punições céleres e justas para estes e outros" casos, assinalando que em ambos os jogos havia policiamento.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais