Investidores propõem 25 mil milhões de dólares à FIFA para novas competições

Jornal de Negócios 12 de abril de 2018

Um grupo de investidores apresentou uma proposta de 25 mil milhões de dólares (20,2 mil milhões de euros) à FIFA para criar uma nova competição de selecções e alargar o Mundial de Clubes a 24 equipas.

O japonês SoftBank integra um consórcio internacional, que conta com investidores da China, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e EUA, e que está por detrás do plano de 25 mil milhões de dólares, noticia o Financial Times.

A proposta prevê o alargamento do Mundial de Clubes a partir de 2021 das actuais sete equipas para 24 clubes e a criação de uma nova competição internacional de selecções.

A FIFA pretende assegurar o seu futuro financeiro após os escândalos de corrupção e subornos que afectaram a entidade máxima do futebol mundial nos últimos anos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais