O Facebook pode ouvir-nos? Jovem australiana garante que sim

Cátia Andrea Costa 12 de dezembro de 2018

Adelaide Bracey garante que começou a receber publicidade na rede social sobre temas sobre os quais apenas falou ao telefone e que nunca pesquisou no Google.

A jovem australiana Adelaide Bracey confessou sentir-se chocada com o facto do Facebook lhe apresentar publicidade de temas sobre os quais nunca pesquisou e se limitou a falar ao telefone. Bracey, de 23 anos e natural de Sidney, diz estar mais preocupada com o tema da segurança nas redes sociais após alguns episódios "assustadores".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais