Estudantes de cirurgia têm cada vez menos destreza manual

Estudantes de cirurgia têm cada vez menos destreza manual
Diogo Camilo 31 de outubro de 2018

Roger Kneebone, professor de Medicina em Londres, afirma que os jovens estão a perder a habilidade manual para suturar os pacientes e tudo por causa do tempo que passam em frente ao telemóvel.

Os estudantes de Medicina estão a perder a destreza nas mãos para suturar os pacientes e tudo por causa do tempo que passam em frente ao telemóvel. Quem o diz é Roger Kneebone, professor de cirurgia do Imperial College, em Londres, que afirma que os jovens têm tão pouca experiência nas suas apetências técnicas que têm dificuldade em qualquer actividade no terreno.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais