Alimentação saudável pode ajudar a curar a depressão?

Uma alimentação pouca rica em nutrientes também pode prejudicar a nossa saúde mental. Se, por outro lado, utilizarmos os alimentos certos, podemos ajudar o nosso corpo a superar este tipo de doenças.

Vários estudos recentes revelam os efeitos positivos que uma alimentação saudável pode ter na nossa saúde mental e mostram que pode até ajudar a tratar a depressão. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), num estudo publicado este ano, a depressão é uma doença comum em todo o mundo - afeta cerca de 3,8% da população, ou aproximadamente 280 milhões de pessoas. E nem sempre a medicação pode ser suficiente para curar um paciente. Uma mudança de hábitos alimentares pode ter um papel importante no processo.

A nutricionista Sofia Tomás, explica: "Os estudos científicos dos últimos dois anos mostram um impacto positivo da alimentação na saúde mental. Nutrientes como o triptofano fazem com que o nosso cérebro liberte mais serotonina [neurotransmissor responsável pelo bem-estar]."

Também a vitamina B6 e o Ómega 3 podem ter um papel importante. "Os alimentos em que estes nutrientes estão presentes são, por exemplo, a banana, o cacau, os ovos, o frango e os peixes gordos", esclarece a nutricionista.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais