Siga o nosso canal no WhatsApp e não perca as grandes histórias da SÁBADO. Seguir

Espetar agulhas nas mães para virar os bebés

Tânia Pereirinha 30 de maio de 2015

Bastam duas ou três sessões para evitar uma cesariana. Será? Enjoos matinais? A acupunctura também jura acabar com eles

O parto de Guilherme (está na fotografia anterior, ainda dentro da barriga da mãe), está previsto para o fim de Junho. Ao contrário do da irmã, Liliana, agora com 3 anos, será natural, não por cesariana. Apesar de o problema da mãe, Isabel Velez, 34 anos, se manter. "Tenho o útero um bocadinho esquisito, digamos assim. O nome técnico é bicórnio", explica à SÁBADO, enquanto desenha num post-it amarelo, primeiro um útero dito normal, depois um como o seu. Apesar de o resultado ser uma espécie de coração, não há nada de romântico na coisa, garante: "A minha filha nasceu de cesariana porque estava sentada, de cabeça para cima, ficámos à espera que virasse até ao fim. É o que acontece na maioria das gravidezes com este tipo de útero, porque é como se estivesse dividido ao meio, os bebés têm dificuldade em dar a volta."

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Cuidados Intensivos

Hooligans

Nos debates, ganha quem o hooligan quer que ganhe – e isso é válido para o hooligan anónimo, que grita para o televisor “Dá-lhe, Pedro Nuno!”, como para o hooligan em estúdio, que apesar de usar fato e gravata também está de tronco ao léu, agarrado à vedação do estádio, a chamar nomes ao árbitro.

Talvez crónica

Somos feitos da curiosidade que temos

Uma pessoa que se rende à falta de curiosidade nunca vai saber o que está a perder. Deixa-se ficar deitada a apanhar pó por dentro, enquanto a vida lá fora avança em passos largos e fugidios. As respostas ficam cabisbaixas trancadas numa sala, a trocarem olhares entre elas, ansiosas por se virem mostrar como nunca antes as viram.

A Lagartixa e o jacaré

Debates

O papel dos comentários pós-debates ajuda a fixar uma impressão, mesmo quando a composição dos comentadores parece de antemão favorecer um lado ou outro. Parece e é. A maioria dos comentadores é hoje favorável à direita.