Os detalhes da vida conjugal de Isabel II e de Filipe

Os detalhes da vida conjugal de Isabel II e de Filipe
Sónia Bento 17 de setembro

Dormiam em camas separadas, mas tratavam-se por "querido" e "querida". O duque de Edimburgo ralhava com a rainha por causa dos cães, dos cavalos e do telefone - revelou um dos muitos livros sobre a vida da monarca de Inglaterra.

O interesse pela vida da Rainha de Inglaterra e pela sua família foi constante desde sempre, como revelam as dezenas de livros publicados. Isabel conheceu o príncipe Filipe da Grécia e da Dinamarca em 1934, no casamento da duquesa de Kent. Ela tinha 8 anos e ele pouco mais de 15. Cinco anos depois voltaram a encontrar-se, começaram a trocar cartas e em 1946, Filipe pediu a mão de Isabel ao Rei George VI. Embora, os pais preferissem um aristocrata inglês mais rico, ela nunca olhou para outro homem e um ano depois, o seu noivado foi anunciado ao mundo. A 20 de novembro do mesmo ano casaram-se, na Abadia de Westminster, numa cerimónia que contou com dois mil convidados. "É claramente um casamento por amor e não de conveniência", escrevia o The Guardian.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui