Estado “patrocina” ensino artístico nos privados com 139 milhões

Jornal de Negócios 23 de junho de 2020

As escolas privadas vão receber um cheque público de 139 milhões de euros para assegurar nos próximos seis anos letivos os cursos de dança, música, artes visuais e audiovisuais, da iniciação ao nível secundário.

O Governo aprovou a realização de uma despesa até 139,3 milhões de euros no âmbito dos contratos de patrocínio com escolas privadas relativos ao ensino artístico para os próximos seis anos letivos (de 2020/2021 a 2025/2026).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais