CDS: Acusações sobre Conselho Nacional são “totalmente infundadas“

CDS: Acusações sobre Conselho Nacional são “totalmente infundadas“
Margarida Davim 07 de outubro

Presidente do Conselho Nacional do CDS não vê razões para a carta na qual 25 conselheiros apontam o dedo a irregularidades na convocatória.


O Conselho Nacional do CDS é só no domingo, mas a luta política já está acesa no partido. Uma carta subscrita por 25 conselheiros nacionais (com Pedro Mota Soares à cabeça) apontava alegadas irregularidades na convocatória da reunião. Mas o líder deste órgão, Filipe Anacoreta Correia, garante que está tudo dentro das regras.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais