Casos de tráfico de seres humanos em Portugal aumentaram quase 40% em 2021

Lusa 17 de março
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 18 a 24 de agosto
As mais lidas

Maioria dos casos de tráfico de seres humanos sinalizados em Portugal são para exploração laboral e homens e são "poucos" os casos em que é o país de origem.

Os casos de tráfico de seres humanos sinalizados em Portugal aumentaram quase 40% no ano passado em relação a 2020, tendo sido detetados 318 situações, revelou hoje a ministra da Administração Interna.

Francisca Van Dunem
Francisca Van Dunem

"Em 2021, o Observatório de Tráfico de Seres Humanos rececionou 318 sinalizações de vítimas de tráfico, dos quais 308 vítimas foram sinalizadas em Portugal. Comparando com 2020, o número de sinalizações aumentou 89 registos, o que significa um aumento de 39%", disse Francisca Van Dunem.

Os dados foram avançados durante a apresentação do projeto "Melhorar os sistemas de prevenção, assistência, proteção e (re)integração para vítimas de exploração sexual".

Segundo a ministra, Portugal mantêm-se, à semelhança de anos anteriores, como país essencialmente de destino para vítimas de tráfico de seres humanos, existindo "poucos casos" em que é o país de origem.

A governante adiantou que a maioria dos casos de tráfico de seres humanos sinalizados em Portugal são para exploração laboral e homens.

Em relação ao tráfico para exploração sexual, a ministra disse que são poucos os casos detetados sendo sobretudo de mulheres oriundas da Europa central e oriental não membros da União Europeia.

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Investigação
Opinião Ver mais