Apenas quatro médicos aceitaram reforçar hospitais no Algarve

Alexandra Pedro 23 de agosto de 2017

Programa de mobilidade especial, lançado pelo Ministério da Saúde, obteve resultados insuficientes

O programa de mobilidade especial, lançado pelo Ministério da Saúde pelo segundo ano consecutivo, revelou-se insuficiente para colmatar a falta de médicos no sul do País. De acordo com a notícia avançada pelo Diário de Notícias, apenas quatro médicos aceitaram reforçar os hospitais do Algarve entre Junho e Setembro. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais