EUA

Papa "profundamente triste" com tiroteio em Las Vegas

Lusa 02 de outubro de 2017
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 8 a 14 de abril
As mais lidas

O líder religioso evocou uma "tragédia sem sentido".

O Papa Francisco declarou-se hoje "profundamente triste" com o tiroteio em Las Vegas, nos Estados Unidos, que causou pelo menos 50 mortos e 400 feridos, evocando uma "tragédia sem sentido".

Franco Origlia/Getty Images
"Profundamente triste ao saber a notícia do tiroteio em Las Vegas, o Papa Francisco expressou a sua proximidade espiritual em relação a todos os afectados com esta tragédia sem sentido", anunciou o Vaticano numa nota.

"Ele elogia os esforços da polícia e do pessoal dos serviços de emergência e promete rezar pelos feridos e por todos os que estão mortos", segundo o texto assinado pelo "número dois" da Santa Sé, o cardeal Pietro Parolin.

Um atirador disparou no domingo à noite em Las Vegas sobre uma multidão que assistia a um concerto ao ar livre, matando pelo menos 50 pessoas no que constitui o tiroteio mais mortífero nos Estados Unidos em décadas.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais