Mãe e três filhas esfaqueadas em França

N.P.L. 19 de julho de 2016

Antes de atacá-las, Mohamed B., de 37 anos e origem marroquina, disse que estavam "vestidas muito levianamente". Uma das crianças está a lutar pela vida no hospital

Uma francesa de 46 anos e as suas três filhas de 8, 12 e 14 anos, foram esfaqueadas na manhã desta terça-feira, 19 de Julho, por um marroquino numa estância de férias nos Alpes, em Laragne, perto de Gap. O agressor já foi detido.

A criança mais nova foi a mais afectada, correndo risco de vida por a faca lhe ter perfurado um pulmão. A mãe e a rapariga de 14 anos também ficaram gravemente feridas, mas estão livres de perigo, enquanto o estado de saúde da jovem de 12 anos não inspira cuidados.

De acordo com os órgãos de informação locais, o homem terá comentado que as quatros mulheres estavam "vestidas muito levianamente". Porém, o Procurador Raphael Balland disse que o motivo do ataque não é claro".

Mohamed B., o agressor não estará sinalizado como radical e é desconhecido dos serviços de informação, diz a TF1.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais