Facebook admite acesso da Netflix e Spotify a mensagens privadas

Facebook admite acesso da Netflix e Spotify a mensagens privadas
Diogo Camilo 19 de dezembro de 2018

Numa nota, a rede social criada por Mark Zuckerber reconhece que empresas parceiras podiam ler, escrever e até apagar mensagens de mais de 70 milhões de utilizadores do Facebook por mês. Netflix e Spotify afirmaram desconhecer este acesso.

O Facebook reconheceu ter permitido a outras empresas, como o Spotify e a Netflix, acesso a milhões de mensagens privadas de utilizadores. Em resposta a um artigo do New York Times publicado esta terça-feira – que relatava como a rede social partilhou dados pessoais com parceiros ao longo dos anos-, a empresa afirmou que concedia a terceiros acesso extenso às mensagens partilhadas na sua rede.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais