Ex-chefe de governo israelita é o primeiro a cumprir pena de prisão

SÁBADO/Lusa 15 de fevereiro de 2016

O ex-primeiro-ministro israelita, Ehud Olmert, chegou esta manhã à prisão de Ma'asiyahu para cumprir 19 meses de prisão por corrupção e obstrução à Justiça

O ex-primeiro-ministro israelita Ehud Olmert chegou esta manhã à prisão de Ma'asiyahu, perto de Telavive, onde cumprirá uma pena de 19 meses de prisão por corrupção e obstrução à Justiça, tornando-se no primeiro chefe de Governo de Israel a ir para a prisão.

Olmert, de 70 anos, viu o Supremo Tribunal israelita confirmar, em Dezembro, uma decisão de um Tribunal de Jerusalém, que o sentenciara a uma pena de prisão efectiva.



Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais