Fazer da roupa velha a moda do futuro

Lojas de roupa em segunda mão, eventos para troca de roupa e vestuário a partir de tecidos antigos. O futuro da moda está em criar a partir dos tecidos que já existem, não desperdiçar e por a produção em stand by

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 25 de fevereiro a 3 de março
As mais lidas GPS
Fazer da roupa velha a moda do futuro
Catarina Moura 15 de fevereiro
Bruno Colaço

Em meados dos anos 90 os Rio Grande cantavam um postal dos correios que dava notícias a um parente afastado. Contavam-lhe a dada altura que o rapaz trabalhava nos computadores e concluíam: "Dizem que é um emprego com saída." Do outro lado alguém não perceberia bem o que significavam os computadores (entidade vaga e futurista). Se reescrevêssemos a canção, hoje o rapaz com um emprego com saída teria de trabalhar com um pé no passado: na venda de roupas e acessórios em segunda mão e no upcycling, a atualização de peças antigas.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)